Matrículas 2022

Educadores da Aparecida concluem curso realizado pela SME e Unicamp

Postado em: 25/11/2021

Na última quarta-feira, 24, foi o encerramento do curso “Educação Especial e Inclusiva: História, Políticas e Problemas Contemporâneos”. Realizado de agosto a novembro pelo Centro de Formação dos Profissionais da Educação de Aparecida de Goiânia (CEFPE/SME) em parceria com a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), o curso aconteceu em 13 encontros virtuais com a participação de gestores, coordenadores pedagógicos, professores, além dos profissionais do quadro de Apoio Educacional Especializado (AEE). 

Dividido em dois módulos e com duração de 60 horas, o curso teve como objetivo promover a reflexão histórico-crítica sobre os processos de exclusão e de inclusão social e escolar das pessoas em situação de deficiência. “Os encontros tiveram como alvo oferecer subsídios para fortalecer o acompanhamento, o direcionamento e a execução do trabalho de Inclusão Escolar realizado pelos profissionais da educação da rede pública do município de Aparecida de Goiânia”, explicou a diretora do CEFPE, professora Maria Lúcia Pacheco Duarte.

Realizados sempre às quartas-feiras, entre 14h e 16h, os encontros foram coordenados pelo prof. Dr. Régis Henrique dos Reis Silva, professor do Departamento de Filosofia e História da Educação da Unicamp, contando com a colaboração da professora mestre Ivone Rodrigues dos Santos, coordenadora do Centro de Formação. “Os debates irão contribuir para o desempenho dos nossos profissionais e para gerar novos conhecimentos, já que cada profissional poderá socializar e promover momentos de estudos e reflexão com os demais parceiros em suas respectivas unidades de ensino”, pontuou a coordenadora.  

Presente no encerramento da formação, a professora Idelma Oliveira, superintendente de Ensino da SME, comentou sobre a relevância de ver consolidada a parceria da Educação de Aparecida com a Unicamp. “A rede municipal fica lisonjeada, porque entende que, ao longo dos encontros realizados, as discussões foram da mais elevada importância, não só para ampliar o nosso entendimento sobre o conceito de inclusão, como também para nos oferecer direcionamentos em relação à prática didática”, concluiu.

Fonte: Gedeon Campos e Juliana Fulquim

Prefeitura convoca aprovados em Processo Seletivo

Postado em: 05/10/2021

Foram convocados 197 profissionais que serão lotados em escolas e CMEIs e receberão o piso salarial no valor de aproximadamente 2,8 mil reais mensais  

Nesta terça-feira, 05, saiu a convocação para os candidatos aprovados no Processo Seletivo Simplificado (PSS) realizado pela Secretaria Municipal de Educação (SME) para o provimento de cargos de professores das escolas e CMEIs de Aparecida de Goiânia. A lista com o nome dos selecionados está publicada no Diário Oficial Eletrônico do Município, edição nº 1729 de 17 de setembro. A partir da data da convocação, os profissionais têm o prazo de 30 dias para a entrega da documentação exigida no Recursos Humanos da Prefeitura no Setor Village Garavelo. 

O Processo Seletivo recebeu mais de seis mil inscritos e aconteceu entre os meses de julho e agosto. Foram ofertadas 197 vagas, a maior parte delas para professores da área de Pedagogia. A avaliação ocorreu por provas de títulos e, no total, foram aprovados 655 candidatos. Além dos convocados, os aprovados excedentes comporão uma lista de espera e poderão ser convocados a qualquer tempo conforme a demanda da SME e dentro do prazo de validade do certame que é de dois anos, com possibilidade de ser prorrogado por igual período.

De acordo com a SME, os novos contratados serão direcionados às escolas e CMEIs para atuar nos turnos matutino ou vespertino e receberão salário de aproximadamente R $2,8 mil, o que corresponde ao piso salarial da categoria.  Antes de assumirem a sala de aula, porém, participarão de curso de formação que será realizado pelo Centro de Formação dos Profissionais de Educação (CEFPE/SME). “A formação abordará assuntos importantes sobre como funciona a rede e deve aprofundar em temas de interesse dos profissionais de Educação”, comentou o secretário da pasta, professor Divino Gustavo. 

Dividido em quatro encontros, o curso terá duração de 20 horas e acontecerá posteriormente à posse dos novos contratados. Dado o momento de pandemia e em atenção aos protocolos da Saúde, será realizado exclusivamente por meio de plataformas digitais, com palestras ministradas pela equipe técnica da SME e professores convidados. “A ideia é promover a acolhida desses novos servidores e oferecer informações sobre os processos de organização do trabalho pedagógico na esfera da Rede Municipal de Educação”, concluiu o secretário. 

A relação com o nome dos profissionais aprovados para contratação imediata e para compor a lista de reservas pode ser verificada no Diário Oficial Eletrônico do Município no link https://webio.aparecida.go.gov.br/diariooficial/download/1729

Fonte:  Gedeon Campos e Juliana Fulquim

Arte: Queiliane Bonfim

Educação comemora Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência

Postado em: 21/09/2021

RME conta atualmente 768 alunos com algum tipo de necessidade especial e conta com 195 profissionais com formação específica para o atendimento nas unidades escolares

Nesta terça-feira, 21, comemora-se o Dia da Luta da Pessoa com Deficiência. A data, que só foi oficializada em 2005 pela Lei Federal 11.133, já é comemorada há 39 anos e sua escolha coincide com o Dia da Árvore, justamente para simbolizar o nascimento das reivindicações de cidadania e participação em igualdade de condições.

Em Aparecida de Goiânia, o tema inclusão da pessoa com deficiência é tratado com a devida relevância. A Secretaria Municipal de Educação (SME) dispõe em sua estrutura de uma Coordenadoria de Inclusão Escolar. O departamento é responsável por dar suporte pedagógico aos profissionais que trabalham com alunos portadores de necessidades especiais em escolas e CMEIs. 

No total, a Rede Municipal de Educação de Aparecida (RME), possui aproximadamente 48 mil alunos matriculados da Educação Infantil aos anos finais do Ensino Fundamental. Destes, 768 são de crianças portadoras de algum tipo de necessidade educacional especial. A RME mantém no seu quadro de servidores 195 profissionais com formações específicas e atuando nas áreas de Professores de Apoio, Professores de salas de Atendimento Educacional Especializado (AEE), além de Professores Intérpretes de Libras e de Braille.

Para a coordenadora de Inclusão Escolar, professora Wuelta Coeles, o ato de matricular alunos com deficiência é apenas o primeiro passo para a sua inclusão no ambiente escolar. Na sua opinião, é fundamental instrumentalizar os professores e a escola, dando-lhes o suporte necessário à ação pedagógica. “O processo de aprendizagem do aluno é por vezes diferente do restante da turma, por isso precisamos de ações adaptativas, flexibilidade do currículo  e capacitação dos profisionais”, explicou. 

Referência em Inclusão, a Escola Municipal Caraíbas, que fica localizada na região oeste do município, tem em seu quadro de alunos 95 crianças com algum tipo de necessidade especial. De acordo com a diretora da unidade educacional, professora Mirny Ferreira da Silva, os alunos são acompanhados em suas atividades pedagógicas por profissionais capacitados que atuam dentro das salas de aula e também na sala de AEE. “Não medimos esforços para atender esses alunos e temos visto o empenho de todos os servidores e também dos demais estudantes para que os alunos especiais se sintam pertencentes ao meio escolar”, enfatiza.   

Aluna do 7º ano no turno matutino, Esther Rosa de Araújo, 13, diagnosticada com dislexia e déficit de atenção, comenta que estuda na escola Caraíbas desde o primeiro ano. Ela comenta que o retorno das aulas presenciais tem ajudado para que ela possa absorver o conteúdo e com isso melhorar o seu desempenho nas disciplinas. “Eu estava com muita dificuldade com as aulas online e ficava perdida, não conseguia fazer a tarefa e chegava até chorar. Mas agora, participando das aulas no AEE e com o acompanhamento da professora de apoio, eu tenho melhorado meu desempenho”, comentou.

Diagnosticada com dislexia e TDAH, Vitória Souza Gregório de Freitas, 10, estudante do 5° ano no turno vespertino, por sua vez, fala da importância da sala de AEE para o desenvolvimento cognitivo dos alunos. “Todo mundo tem algum tipo de dificuldade, mas as nossas são maiores e a sala de AEE nos ajuda a aprender mais”, observou. 

Essa também é a opinião de sua mãe, a dona de casa Hosana de Souza, 37, moradora do Setor Norte Sul. Ela, que tem outro filho matriculado na unidade escolar e que também apresenta dislexia, comenta que Vitória estuda na escola Caraíbas desde as séries iniciais do Ensino Fundamental. “A escola foi essencial para que eu pudesse saber que meus filhos tinham dificuldade de aprendizado e que isso estava atrelado à dislexia. Agradeço por tudo que a escola tem feito para o desenvolvimento deles e sei que hoje eles podem sonhar com um futuro melhor”, salientou emocionada.

Mestranda em Educação Especial, a pedagoga Maria José Ferreira de Carvalho Rosa, 52,  é professora efetiva da RME desde 2015. Na sua opinião, a presença do aluno na escola regular é um marco para a luta da pessoa com deficiência, pois eles mostram que são capazes de aprender, de interagir e também de ensinar a partir de suas experiências. “Nossos professores passam por treinamento e são orientados a como trabalhar com o aluno com necessidades especiais. Nosso trabalho desenvolve na criança o sentimento de pertencimento e o seu aprendizado, independente de suas limitações”, arrematou.

Fonte: Gedeon Campos e Juliana Fulquim

Foto: Ênio Medeiros

Atividades extracurriculares auxiliam na formação do aluno

Publicado em: 20/09/2021

Escolas disponibilizam atividades extracurriculares, como leitura, cultivo de hortas e educação de trânsito  que favorecem na formação social do aluno

Atividades extracurriculares são importantes estratégias pedagógicas, pois são capazes de promover no aluno o interesse pelo aprendizado, relacionando o conhecimento teórico com a parte prática da vida cotidiana. Por essa razão, as escolas geralmente apostam na realização de projetos que possam ajudar na evolução do aluno nas mais diferentes áreas do conhecimento.

Foi pensando em aliviar a rotina dos estudantes, que as municipais Parque Flamboyant e Telma Regina e também o CMEI Olaídes Bonifácio, neste retorno das atividades presenciais, iniciaram seus projetos extracurriculares. A ideia é promover o desenvolvimento cognitivo atrelado a noções práticas que possam ir além dos muros das escolas.  

A escola Parque Flamboyant, que atende 150 crianças matriculadas de 1º ao 5º anos, está realizando, entre os meses de agosto e setembro, o Projeto Educação no Trânsito. A ideia é conscientizar sobre as leis de trânsito e sensibilizar as crianças sobre os procedimentos responsáveis que preservam a vida evitando acidentes. “Sabemos que as crianças são multiplicadoras de comportamento e que, por meio do aprendizado delas, é possível alcançar toda a família”, explica a gestora da unidade, professora Maria das Graças. 

Participantes do projeto, os alunos João Antônio Vieira e Pablyny Lessane Pereira, ambos com 10 anos e estudando no 5º e 4º ano respectivamente, comentam que as aulas têm contribuído bastante com a percepção deles sobre como deve ser a relação das pessoas com o trânsito. “Com as aulas, a gente percebeu que o trânsito pode ser muito perigoso se as pessoas não seguirem as regras”, comentaram.

Já na Escola Municipal Telma Regina, Setor Veiga Jardim, por exemplo, os estudantes do 5º ao 8º ano do Ensino Fundamental participam do Projeto Alimentação Saudável. Idealizado pelo instrutor de Libras Rodrigo Nascimento Guedes, o projeto foi iniciado no começo de agosto e conta com a participação da professora de Ciências, Michelle Cirilo, e do professor de História, Hugo Albuquerque. 

De acordo com a diretora da unidade escolar, professora Lúcia Maria, o projeto tem contribuído para o desenvolvimento cognitivo e promovido melhor interação entre os alunos, que aprendem na prática o cultivo das hortaliças. Ela explica que os estudantes acompanham todo o passo a passo das ações, desde a coleta de materiais recicláveis para a confecção dos canteiros até o preparo do solo e plantio de sementes e mudas. “Todas as ações têm um viés pedagógico e o objetivo é promover no aluno a compreensão do processo de cultivo e manejo dos alimentos”, comenta a diretora.

No CMEI Olaídes Bonifácio, Setor Serra Dourada III, os alunos da pré-escola matriculados nos agrupamentos III, IV e V estão participando do projeto Magia da Leitura. Focado na importância dos livros no cotidiano das crianças, o projeto vem sendo executado por meio de atividades lúdicas e proporcionando o contato alunos com o universo mágico e criativo dos livros infantis. “Uma das ações do projeto é a Mala Viajante que permite que os estudantes levem o livro para casa, possibilitando a leitura da obra com toda a família”, arrematou a diretora da instituição, professora Tânia Cristina Borges.

Fonte: Gedeon Campos e Juliana Fulquim

Foto: Ênio Medeiros

Processo Seletivo Simplificado: Educação divulga lista de selecionados

Publicado em: 23/08/2021

Nesta segunda-feira, 23, por meio do Diário Oficial Eletrônico, a Secretaria Municipal de Educação de Aparecida de Goiânia (SME) divulgou o resultado preliminar do Processo Seletivo Simplificado para o provimento de cargos de professores da Rede Municipal de Educação. O certame, cujas inscrições aconteceram entre os dias 12 e 23 de julho, recebeu mais de seis mil candidatos interessados em ocupar uma das 197 vagas disponibilizadas nas escolas e CMEIS, nas áreas de Pedagogia, Ciências, História, Língua Portuguesa e Matemática.

O resultado divulgado nesta semana é de natureza preliminar e relaciona os 660 candidatos melhor posicionados na avaliação curricular, que somou formação acadêmica e complementar, além da experiência profissional de cada concorrente. A relação inclui os 197 classificados para contratação com salários perto de 2,8 mil reais, ficando os demais incluídos no cadastro de reserva, podendo ser convocados a qualquer tempo de acordo com a demanda da rede e com o prazo de vigência do certame, que é de dois anos e pode ser prorrogado por igual período.

Os candidatos têm entre segunda e quarta-feira, 23 e 25, o prazo para interpor recurso em relação ao resultado preliminar. A lista com a relação e posição de cada candidato pode ser conferida diretamente na publicação do Diário Oficial Eletrônico.

Acesse o link:

Click aqui.

SME de Aparecida lança página no Instagram

A Secretaria Municipal de Educação de Aparecida de Goiânia (SME) tem procurado aprimorar gradualmente sua interação com o público. Além do site oficial disponibilizado no endereço eletrônico www.educacao.aparecida.go.gov.br, que, por meio de matérias jornalísticas, oferece um panorama do que acontece na rede pública de ensino do município, a Secretaria possui também a página “SME Aparecida”, no Facebook, e o canal “Educação de Aparecida”, na plataforma Youtube. 

A mais recente novidade é a sua página no Instagram, em circulação desde o início deste mês de agosto. O aplicativo dará uma nova dinâmica para a interação com o público por meio de imagens, vídeos e textos mais objetivos. Para acessar a página, basta entrar no aplicativo e procurar por “smeaparecidadegoiania”.

Mais de 6 mil inscritos em processo seletivo da Educação

Postado em: 24/07/2021

Resultado da seleção para contratação temporária de profissionais na área da educação do município será divulgado o dia 6 de agosto

Foi encerrado nesta sexta-feira, 23 de julho, o prazo para inscrições para o Processo Seletivo Simplificado, que irá contratar 197 profissionais da educação. Ao todo foram realizadas 6.693 inscrições nas áreas de pedagogia, Ciências, História, Língua Portuguesa e Matemática.

Para a área de pedagogia foram 5.225 candidatos inscritos; Língua Portuguesa o quantitativo é de 553 concorrentes; Matemática 369 inscritos; Ciências 285 e História 261. De acordo com o edital, são 184 vagas para Pedagogos, 08 vagas para Língua Portuguesa, para Matemática estão disponíveis 3 vagas, História e Ciências (1 vaga) para cada área.

Os candidatos concorrem a 197 vagas com salários de R$ 2.792,69 reais por mês e carga horária de 30 horas semanais. Os aprovados exercerão suas atividades pedagógicas nas escolas municipais e CMEIs de Aparecida de acordo com a necessidade e determinação da Secretaria Municipal de Educação nos turnos matutino e vespertino.

As inscrições tiveram início no dia 12 de julho e foram realizadas exclusivamente por meio do site aparecida.go.gov.br, pelo link webio.aparecida.go.gov.br, onde os candidatos preenchiam um formulário eletrônico. E para concorrer a uma das vagas os candidatos deveriam ter diploma de conclusão em licenciatura registrado e reconhecido pelo Ministério da Educação.

O critério para classificação final dos candidatos, segundo o edital, terá algumas etapas como a análise curricular, que considerará a somatória da formação acadêmica, cursos complementares e a experiência profissional em um total de até 10 pontos.

Os candidatos aprovados exercerão suas atividades pedagógicas nas escolas municipais e CMEIs de Aparecida de acordo com a necessidade e determinação da Secretaria Municipal de Educação nos turnos matutino e vespertino. A íntegra do edital pode ser acessada no site webio.aparecida.go.gov.br/diariooficial/download/1681

O resultado final das inscrições será divulgado pelo site: https://webio.aparecida.go.gov.br/., a partir do dia 06/08/2021.

Educação de Aparecida abre Processo Seletivo Simplificado

Publicado em: 12/07/2021

Serão contratados 197 professores em regime temporário nas áreas de Pedagogia, Ciências, História, Matemática e Língua Portuguesa

A Prefeitura de Aparecida de Goiânia por meio da Secretaria Municipal de Educação anuncia a abertura das inscrições para o Processo Seletivo Simplificado 01/2021, das 8 horas do dia 12 de julho até às 23 horas e 59 minutos do dia 23 de julho, exclusivamente por meio de seu site www.aparecida.go.gov.br, pelo link https://webio.aparecida.go.gov.br/.  Serão ofertadas ao todo 197 vagas com salários de R$ 2.792,69 reais por mês e carga horária de 30 horas semanais.

Os candidatos deverão ter diploma de conclusão em licenciatura registrado e reconhecido pelo Ministério da Educação para concorrer a uma das vagas  de Pedagogo(a) (184 vagas) e professores nas áreas de Matemática (3 vagas), História (1 vaga), Língua Portuguesa (8 vagas) e Ciências (1 vaga). De acordo com o edital 5% das vagas serão destinadas à pessoas com deficiência mediante apresentação de laudo médico com respectivo código de Classificação Internacional de Doenças (CID).

Com inscrições gratuitas, o preenchimento do formulário eletrônico deste processo de seleção é de responsabilidade exclusiva do candidato que deverá anexar a documentação exigida para validação da sua candidatura a uma das vagas. 

O critério para classificação final dos candidatos, segundo o edital, terá uma etapa, a de análise curricular, que considerará a somatória da formação acadêmica, cursos complementares e a experiência profissional em um total de até 10 pontos.

Os candidatos aprovados exercerão suas atividades pedagógicas nas escolas municipais e CMEIs de Aparecida de acordo com a necessidade e determinação da Secretaria Municipal de Educação nos turnos matutino e vespertino. 

A íntegra do edital pode ser acessada no site https://webio.aparecida.go.gov.br/diariooficial/download/1681  e informações sobre o Processo Seletivo Simplificado esclarecidas pelo telefone: (62) 3280- 3861, horário de atendimento das 08h00 ás 11h30 e 13h00 ás 17h00.

Educação de Aparecida comemora o Dia do Pedagogo

Postado em: 19/05/2021

No próximo dia 20, quinta-feira, a Secretaria Municipal de Educação de Aparecida de Goiânia (SME) realizará uma live em comemoração ao Dia Nacional do Pedagogo.  O evento será iniciado às 19h  com transmissão em tempo real pelo canal do YouTube, na página Educação de Aparecida. 

A comemoração terá como atração principal a apresentação de professores e alunos do curso de música da Escola Municipal de Artes, sob a batuta do maestro Francinaldo Rodrigues. “Estamos preparando uma noite especial com apresentações que irão emocionar os homenageados, para lembrar a importância desses profissionais na vida da sociedade”, adiantou.

Na opinião do secretário de Educação, professor Divino Gustavo, o Dia do Pedagogo é uma data significativa que dá ênfase à figura dos profissionais de Educação. “Num momento de pandemia como o que o mundo está vivendo, a sociedade se dá conta da relevância da figura do professor, não somente em sala de aula, mas também na criação de um mundo melhor”, comentou.

A superintendente de Ensino da SME, professora Idelma Oliveira, destacou que a realização do evento é de suma importância, porque simboliza o reconhecimento e o prestígio desses profissionais. “É uma merecida homenagem aos pedagogos, profissionais que estão no início da formação escolar das nossas crianças, uma etapa importantíssima para o desenvolvimento cognitivo e para a construção social dos sujeitos”, concluiu.

A data foi instituída em 2015 por meio da Lei Federal de nº 13.083 com o objetivo de promover maior reconhecimento e valorização ao trabalho desses profissionais.

Serviços:

Evento: Comemoração ao Dia Nacional do Pedagogo

Data: 20/05/2021

Horário: a partir das 19h

Local: YouTube (https://www.youtube.com/channel/UCOYugPgEi74EzPlopo9lSDA

Fonte: Gedeon Campos e Juliana Fulquim

Rua Gervásio Pinheiro, APM Residencial Solar Central Park
CEP: 74.968-500
Horário de Funcionamento:
08h as 11h30 - 13h as 17h30
Telefone: (62) 3545-5800 / 3545-5801

educacao@aparecida.go.gov.br
Telefone: (62) 3545-5949

Rua 04 com Rua 05, Qd. JA, Área Pública S/N, Setor Araguaia, CEP: 74981-040

RECEBA NOTÍCIAS NO SEU EMAIL